domingo, 20 de março de 2011

Psychoville (2009)

Sinopse: A trama gira em torno de cinco personagens problemáticos que se unem quando cada um recebe uma carta que diz: "Eu sei o que você fez".


Criadores: Reece Shearsmith e Steve Pemberton


Direção: Matt Lipsey


Elenco: Reece Shearsmith
Steve Pemberton
Dawn French
Adrian Scarborough




Download

RMVB Legendado

Episódio 1 - "Blackmail" - 88MB>> http://www.megaupload.com/?d=HXRZHMXC


Episódio 2 - "Lomax" - 88MB>> http://www.megaupload.com/?d=X4XN5ZJO


Episódio 3 - "Jelly" - 110 MB>> http://www.megaupload.com/?d=F4YZK8ST


Episódio 4 - "David and Maureen" - 102MB>> http://www.megaupload.com/?d=JTWQ5T5H

Episódio 5 - "Joy" - 100MB>> http://www.megaupload.com/?d=SSRQQTNW 

Episódio 6 - "Robert" - 100MB>> http://www.megaupload.com/?d=H4JT2YWR

Episódio 7 - "Ravenhill" - 101MB>> http://www.megaupload.com/?d=5H4UP1SF


TORRENT e Legenda

>> http://www.4shared.com/file/226044517/20b0ed4f/Psychoville-1_Temporada-By_Bru.html


Comentário: O politicamente correto passa bem longe de Psychoville. Chamar os personagens da série de problemáticos seria subestimá-los, e uma descrição básica dá para ter uma boa idéia disso. Temos o palhaço decadente que possui um gancho no lugar do mão, o velho cego colecionador de itens pouco convencionais, a enfermeira gorda que pensa que um boneco é seu filho e não tolera que outras pessoas digam o contrário, ou maltratem sua “cria”, há também um anão ex ator de filmes pornográficos, que diz ter poderes telecinéticos, e David e sua mãe, que são admiradores de serial killers, além de uma possível relação incestuosa existir entre eles.
Portanto ao adentrar nesse mundo caótico, esteja ciente que a sanidade passa bem longe e o lado mais negro e sombrio do humor que faz as engrenagens girarem.
Por ser uma série britânica, pode causar certa estranheza no inicio, primeiramente por apresentar o típico humor inglês, e a criatividade do enredo flertar com a inverossimilhança a todo momento, e sem se preocupar com isso.
Os personagens são carismáticos, apesar dos pesares, com exceção do anão (o talento do ator que o interpreta corresponde ao seu tamanho) e todo seu segmento, o qual achei deveras dispensável.
Já o palhaço mão de gancho, David e sua mãe (personagem quase pythonesca interpretada por um homem) compensam a inutilidade do anão. Principalmente os dois últimos, que são protagonistas de um episódio genial, supostamente sem cortes, que homenageia “Festim Diabólico” do mestre Hitchcock.
Enfim, a série é muito bem produzida, possui poucos episódios, e é um prato cheio para os apreciadores do humor negro.

3 comentários:

  1. Olá! Em primeiro lugar, parabéns pelo blog!
    Em segundo lugar, estou adorando este seriado, vocês poderiam arrumar o link do episódio 6? pois é o mesmo link do episódio 5.

    Obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Achei o link do episódio 6 : http://www.megaupload.com/?d=H4JT2YWR

    :)

    ResponderExcluir
  3. Opa, malz ai, foi distração mesmo.

    ResponderExcluir

comente naquela caixinha do lado, é mais legal.